Quantos passaram por aqui:

domingo, outubro 23, 2011

*Eu tô na lua

Hoje eu quero me sentir na lua
quero dançar na rua
quero ver o guarda apitar;
hoje eu quero ver crianças sorrindo
ver flores se abrindo
quero ver um monte de gente
andando nas calçadas
pessoas a cantar.

Hoje quero olhar pro lado
Onde eu só veja alegria
quero ver os vestidos das moças
pelos ventos esvoaçar,
quero olhar nos olhos dos moços
e ver que eles ainda conseguem
a tristeza ludibriar.


Hoje quero comer pão lá na cozinha
aquele cheiro de queimado
no garfo esquentado
quero relaxar;
hoje só quero ver meus amigos lindos
que os feios me perdoem
mas para eles nem quero olhar.

Hoje eu quero ler poesia
deitar debaixo de alguma arvore
num parque qualquer
onde veja cachorros  ladrar;
quero olhar para os lados
ver aqueles caras sarados
fazendo alguma coisa
para a barriga não aumentar.

Hoje quero ver os casais de namorados
de mãos dadas pelas alamedas
ver sorvetes derretendo
lambuzando toda gente
vou me lambuzar.

Hoje é tudo tão fantasia
e para que quero outro dia
se hoje tô na lua
e dela nem quero voltar.

(foto de Laurent Laveder)
*n6

3 comentários:

  1. ai que linda Sol

    ResponderExcluir
  2. sera que foi enviado meu comentario???? expirou a paginaaa!!!

    ResponderExcluir
  3. foi não....expirou e espirrou rss. bjks

    ResponderExcluir